Gaston Bachelard e Imre Lakatos: Uma convergência epistemológica fundamentada na dinamicidade da história da ciência

Este artigo almeja apresentar uma discussão teórica referente a construção de uma convergência epistemológica entre as concepções em Ciência dos filósofos Gaston Bachelard e Imre Lakatos, e apontar algumas implicações da referida convergência epistemológica ao contexto da educação científica. Para tanto, foram identificados os seguintes elementos convergentes: a história da ciência como normativa para a avaliação do conhecimento científico; a razão objetiva como orientadora da compreensão da história da ciência; a defesa evolutiva e dinâmica da história da ciência e da natureza do conhecimento científico; a história da ciência cunhada por uma ferramenta dialética reflexiva.

Este artigo almeja apresentar uma discussão teórica referente a construção de uma convergência epistemológica entre as concepções em Ciência dos filósofos Gaston Bachelard e Imre Lakatos, e apontar algumas implicações da referida convergência epistemológica ao contexto da educação científica. Para tanto, foram identificados os seguintes elementos convergentes: a história da ciência como normativa para a avaliação do conhecimento científico; a razão objetiva como orientadora da compreensão da história da ciência; a defesa evolutiva e dinâmica da história da ciência e da natureza do conhecimento científico; a história da ciência cunhada por uma ferramenta dialética reflexiva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: