Considerações sobre a Relação entre Filosofia e Ciência em Alexandre Koyré a partir de uma Questão

A partir de uma questão apresentada na “Introdução” deste artigo, procuraremos elucidar a relação entre os pensamentos filosófico e científico conforme escritos de Alexandre Koyré. Dividimos nosso texto em quatro partes, que abordam: (1) a disputa de Koyré contra a filosofia da ciência positivista e a epistemologia de Émile Meyerson, estas duas defendendo a existência de verdades imutáveis; (2) a oposição de Koyré às epistemologias continuistas, apresentando o citado pensador como um descontinuista dado seu diagnóstico da historicidade da razão; (3) a tese koyreana que busca explicar a gênese do matematismo da física clássica como uma ilustração do primado teórico da ciência e da sua descontinuidade; (4) a resposta à questão inicial do nosso artigo, a partir da ideia da inseparabilidade entre filosofia e ciência e da ideia de descontinuidade da razão.

source https://periodicos.unb.br/index.php/fmc/article/view/29416

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: